Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Escola Digital

Espaço na rede dedicado à Internet como veículo de conhecimento e aprendizagem.

Escola Digital

Espaço na rede dedicado à Internet como veículo de conhecimento e aprendizagem.

 

 

Lousã com uma das escolas mais inovadoras do mundo em 2011
A Microsoft Corporation seleccionou o Agrupamento de Escolas da Lousã para integrar o seu programa mundial de Escolas Inovadoras, que distingue as escolas que em todo o mundo mais se destacam pela utilização da tecnologia na sala de aula.
Portugal tem um novo estabelecimento de ensino a figurar no Programa das Escolas Inovadoras promovido pela Microsoft a nível internacional. No âmbito do Programa Parceiros na Educação (Partners in Learning), e após um processo de avaliação das escolas que apresentaram candidatura ao Concurso Mundial da Microsoft Escolas, o Agrupamento de Escolas da Lousã foi seleccionado para fazer parte dessa rede mundial.

Segundo Rui Grilo, Director para a Educação na Microsoft Portugal, “É com muito orgulho que assistimos à integração de mais uma escola portuguesa no Programa Mundial de Escolas Inovadoras promovido pela Microsoft Corp. Este reconhecimento mostra bem como os nossos professores e alunos conseguem tirar partido da tecnologia que têm disponível nas escolas para inovar na forma como se ensina e se aprende. Essa é a razão pela qual a Microsoft investe na formação e na promoção da utilização das tecnologias na sala de aula: para que professores e alunos ensinem e aprendam melhor”. E conclui “Apraz-nos sinceramente verificar que temos escolas portuguesas com um nível de maturidade e qualidade que compete em pé de igualdade em benchmarks internacionais com outros estabelecimentos de ensino, inclusive de países com maiores recursos”.

O Agrupamento de Escolas da Lousã irá, a partir de agora, fazer parte de uma comunidade de elite de escolas inovadoras em todo o mundo que, através do apoio da Microsoft, irão trabalhar em rede com vista a contribuir para a transformação da visão e das práticas de ensino. Este ano foram finalistas 66 escolas de 54 países de todo o mundo, tendo-se registado um aumento do número de escolas, mas também de países participantes.

O Agrupamento de Escolas da Lousã tem sido pioneiro pela utilização constante dos recursos tecnológicos nas aulas, integrando os computadores pessoais de cada aluno e permitindo a sua ligação ao quadro interactivo, que já substituiu, quase por completo, o quadro tradicional. A capacidade de envolver e motivar toda a comunidade educativa, a vontade de partilhar o seu trabalho em diversos projectos nacionais e internacionais, a aposta numa escola inclusiva e a inovação em várias áreas curriculares, como é o caso da Música, são alguns dos factores que justificaram esta distinção pela Microsoft.
Para Henriqueta Oliveira, Directora do Agrupamento de Escolas da Lousã, “a integração no Programa Escolas Inovadoras é um desafio que nos honra, responsabiliza e nos compromete, e à comunidade educativa, com dinâmicas de inovação e intervenção no meio, na lógica de trabalho em rede que é o lema do nosso Projecto Educativo. Mais do que um ponto de chegada, vemos o reconhecimento do trabalho que já desenvolvemos até aqui como um novo ponto de partida no caminho que escolhemos trilhar rumo à Escola Global, Plural, Inovadora e Sustentável.

Já para a Câmara Municipal da Lousã, este reconhecimento premeia o investimento efectuado na rede de escolas do concelho. Segundo Hélder Bruno Martins, Vereador da Educação e da Cultura “a seleção do Agrupamento de Escolas da Lousã para integrar a rede mundial do Programa Parceiros na Educação da Microsoft Corp. é, simultaneamente, o culminar de uma estratégia que tem vindo a ser implementada pela Câmara Municipal e pelo Agrupamento de Escolas da Lousã e o início de uma nova fase na Educação do Concelho. Em 2010, iniciámos a implantação gradual das Novas Tecnologias em todas as salas de aulas do 1.º CEB do Concelho: quadros interativos, redes locais e a aplicação de uma plataforma pedagógica interativa, a plataforma ‘Camões’. Acima de tudo, a Câmara Municipal da Lousã está muito orgulhosa com este reconhecimento da Microsoft Corp. porque sabe que a Direção e todos os docentes do Agrupamento de Escolas da Lousã o merecem. A sua competência, dedicação, motivação e criatividade foram determinantes para os níveis de qualidade, rigor e excelência da Educação na Lousã.
As outras Escolas Inovadoras Portuguesas

A escolha de mais uma escola nacional é um reconhecimento inequívoco da forma como as escolas portuguesas tiram partido do investimento em novas tecnologias. Recorde-se que já tinham sido seleccionadas para integrar esta rede mundial, em 2009, a Escola Básico do 1.º Ciclo de Várzea de Abrunhais e, em 2010, as Escolas Básica do 2º e 3º Ciclos de Nevogilde (Lousada) e a Secundária de Lagoa (Açores). Estas escolas e os seus professores tiraram partido desta oportunidade única para levarem o seu trabalho inovador além-fronteiras.

A iniciativa das Escolas Inovadoras insere-se no Partners in Learning - Parceiros na Educação, um programa da Microsoft presente em 114 Países tem por objectivo fundamental apoiar as políticas dos Governos no sentido de promover a utilização das tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) no ensino, como fonte de inovação e promoção da qualidade das aprendizagens. Contando com várias iniciativas desenvolvidas em Portugal – Escolas Inovadoras, Professores Inovadores, Alunos Inovadores e Líderes Inovadores. Desde 2004, o Programa Parceiros na Educação contribuiu já para a formação de cerca de 60 mil professores e 150 directores de escola, envolvendo nos seus programas mais de 1 milhão de alunos.